Notícias / Politica

14/01/2021 - 12:12

Vereadora cita investigação arquivada e nega doação de beneficiária de programa

Por Mikhail Favalessa/RDNEWS

Divulgação

 (Crédito: Divulgação)
A vereadora por Araputanga (338 km da Capital) Cleo Camargo (SD) negou que tenha recebido doação eleitoral da beneficiária do Bolsa Família E.D.R.L em 2020. O Ministério Público Estadual (MPE) chegou a abrir investigação sobre possível doação irregular, já que a mulher não teria renda suficiente para doar recursos à campanha, mas o caso foi arquivado, conforme informado pela parlamentar.
 
 
Cleo esclareceu em nota enviada ao  que não era parte envolvida na investigação e que os autos “já foram arquivados em face da ausência de elementos probatórios minimos a ensejar a continuidade da investigação por suposta irregularidade, conforme pode ser confirmado no site do” MPE.
 
“E diferente das informações repassadas pela impressa e terceiros, não existiu qualquer doação da então beneficiária do Bolsa Família à minha campanha eleitoral”, afirma a vereadora, eleita em novembro passado.

A relação entre a campanha da parlamentar e a beneficiária do programa do Governo Federal foi, na verdade, uma prestação de serviços. Cleo detalhou que a mulher foi contratada para serviços de mídia, com emissão de nota fiscal, em R$ 450,00. O valor foi devidamente pago e apresentado na prestação de contas enviada à Justiça Eleitoral.

“Assim, cumpre informar que não houve qualquer relação pessoal com a pessoa física beneficiaria do Bolsa Família. Trata-se apenas de prestação de serviço da empresa da mesma (a qual possui empresa prestadora de serviços de mídia), não existindo, portanto, qualquer ilícito por minha parte”, declarou a vereadora.

O procedimento de investigação estava a cargo do promotor eleitoral Manuel Filartiga Escalante Ribeiro e foi arquivado na segunda (11), conforme andamento que pode ser visto abaixo:
 
Arquivamento de investigação, vereadora Cleo Duarte
Portal do Ministério Público mostra pedido de arquivamento

Comentários

inserir comentário
1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Oeste. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por Eleitor na expectativa, em 14.01.2021 às 13:57

    Eu nao sabia que empresaria podia fazer parte do bolsa familia ...pensava eu que o bolsa familia seria pra pessoas carentes mas se cabe empresarios vou me escrever kkkkk...cada uma que vejo ...ah se a moda pega

 
Sitevip Internet