Notícias / Saúde

10/07/2020 - 07:24

São Luiz inicia hoje Drive Thru para testes rápidos de Covid-19

Por Assessoria

Ilustração

 (Crédito: Ilustração)
O Hospital São Luiz, unidade própria da Pró-Saúde em Cáceres (MT), a partir de hoje, 10, irá disponibilizar um serviço de Drive Thru para a realização de testes rápidos da Covid-19.

O atendimento será realizado na entrada de emergência do Pronto Atendimento da unidade, com acesso na Rua Padre Cassemiro, 2.790, no centro do município. O horário de atendimento será das 8h às 17h, de segunda às sextas-feiras e, aos sábados, das 8h às 14h. Para a realização do teste rápido nesta sexta e sábado, não é necessário o agendamento prévio.

Já para os interessados na realização do teste durante a próxima semana, a partir do dia 13/7, os agendamentos devem ser realizados por telefone e os resultados serão disponibilizados em até uma hora via celular ou e-mail cadastrado pelo paciente. O agendamento deve ser realizado por  telefone, no número (65) 3221-1029 da unidade.

O objetivo é atender pacientes que estejam com sintomas, mesmo que leves, ou que tenham tido contato com alguém infectado, de forma rápida e segura, proporcionando um diagnóstico precoce e possibilitando um tratamento mais eficaz.

A ação irá ofertar os testes IgG, indicado para quem acredita que teve contato com o vírus há mais de 14 dias, e o IgM, indicado para contato recente com o vírus, ainda ativo ou há menos de sete dias.

Sobre o teste rápido

Ambos os testes são realizados por meio de glicemia capilar cromatográfico, mediante coleta de sangue. O resultado é disponibilizado via SMS, WhatsApp ou ligação telefônica, até uma hora após a realização da coleta do exame e, posteriormente, em até 24 horas é enviado o laudo completo via e-mail.

O valor promocional de cada teste é de R$ 199,90, que pode ser pago em dinheiro, cartão de débito ou crédito à vista ou parcelado em até oito vezes.

Nos dois casos, tanto no agendamento quanto no mutirão desta sexta-feira e sábado, não é necessário estar em jejum, mas será solicitado a apresentação de um documento com foto.

"O serviço estará disponível durante o mês de julho no São Luiz ou enquanto durar os estoques. O paciente não irá precisar sair do carro. É importante dizer que a coleta é feita por profissionais de saúde, com toda a segurança, sendo uma forma rápida de identificar a doença", explica Bruno Zanata, diretor Hospitalar do São Luiz.

O Hospital São Luiz ampliou o número de leitos exclusivos para o atendimento de pacientes com o novo coronavírus na região. Desde o dia 24/6, a unidade conta com 31 leitos de enfermaria e 5 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) exclusivos.

A unidade é referência para os casos de Covid-19 em 22 municípios da região. Médicos e profissionais do Hospital São Luiz receberam treinamentos realizados a partir das diretrizes de segurança preconizados pelo Ministério da Saúde e Organização Mundial de Saúde.
 
SERVIÇO

Local do Drive Thru: Rua Padre Cassemiro, 2.790, no centro de Cáceres

Horário de atendimento: 8h às 17h – de segunda às sextas-feiras. 

O agendamento deve ser feito por meio do telefone: (65) 3221-1029

Valor do exame: R$ 199,90

Pagamento: Cartão de débito, dinheiro e cartão de crédito à vista ou parcelado em até oito vezes sem juros.

Mutirão de atendimento: Próxima sexta e sábado (10 e 11/7)

Horário: sexta-feira das 8h às 17h e, aos sábados, das 8h às 14h

Valor do exame: R$ 199,90

Pagamento: Cartão de débito, dinheiro e cartão de crédito à vista ou parcelado em até oito vezes sem juros.

Comentários

inserir comentário
3 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Oeste. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por Lucélia, em 10.07.2020 às 14:24

    Parabéns à empresa pela divulgação desse trabalho, que com certeza atende uma parte que pode pagar. Uma pena que as autoridades responsáveis do Estado não demonstre dessa mesma forma, onde, quanto e como está aplicando o nosso dinheiro nessa pandemia.

  • por O cacerense, em 10.07.2020 às 12:19

    que absurdo tem que ser de graça cadê o dinheiro que veio do governo Federal

  • por Brasil, em 10.07.2020 às 09:01

    Isso e uma vergonha termos que pagar .....cade os vereadores e o mp...onde ta o dinheiro que o estado mandou ....paixao em administrar.........ate 2020 e so chega logo Dezembro

 
Sitevip Internet