Jornal Oeste

Cáceres, Segunda-Feira, 13 de Julho de 2020

Notícias / Mundo

04/01/2020 - 11:18

Bolívia elegerá novo presidente dia 3 de maio

Por Boa Midia

Ilustração

 (Crédito: Ilustração)
 
O Tribunal Supremo Eleitoral (TSE) da Bolívia marcou para domingo, 3 de maio, as novas eleições gerais no país, que substituirão a ordem constitucional após a anulação das eleições de 20 de outubro, anunciou Oscar Hassenteufel, um dos membros do órgão.
 
“Na segunda-feira, tudo será publicado [e as eleições serão] no primeiro domingo de maio, somente até aqui que posso adiantar”, disse o magistrado eleitoral em breve conversa com repórteres na cidade de Sucre, informou a mídia local.
 
A declaração de Hassenteufel confirmou a data em que políticos e analistas consideraram o mais provável para as eleições, concordando como uma saída da crise desencadeada pelos protestos contra a reeleição do ex-presidente Evo Morales.
 
Após a renúncia forçada de Evo Morales em 10 de novembro e sua substituição pela senadora Jeanine Áñez, que se proclamou presidente de transição dois dias depois, os partidos representados no parlamento concordaram em cancelar as eleições de outubro e convocar uma nova votação geral no menor tempo possível.
 
 
Em execução desse acordo, o parlamento nomeou um novo TSE, que concedeu até 6 de janeiro para emitir o chamado para eleições, que deve ser realizado o mais tardar 120 dias depois.
 
Um segundo turno eventual aconteceria até 45 dias após a votação de 3 de maio, de acordo com a atual lei eleitoral.
 
A data de transmissão do comando ao novo presidente eleito ainda não foi fixada.
 
MATO GROSSO – O país andino tem 983 quilômetros de fronteira com Mato Grosso sendo 730 quilômetros em solo firme, nos municípios de Poconé, Cáceres, Porto Esperidião, Vila Bela da Santíssima Trindade e Comodoro.
Embora seja pequena a relação comercial entre Brasil e Bolívia, é grande o interesse mato-grossense pelas questões políticas bolivianas, principalmente nos municípios da fronteira e da faixa de fronteiras, onde vivem famílias de bolivieiros – boliviano com brasileira – e brasilianas – de brasileiro com boliviana.

Comentários

inserir comentário
1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Oeste. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por Anarquista, em 04.01.2020 às 20:27

    Exportar Francis pra disputar a eleição na Bolivia.

 
Sitevip Internet