Jornal Oeste

Cáceres, Sábado, 4 de Julho de 2020

Notícias / Educação

29/10/2019 - 08:25

Unemat gasta R$ 356 mil com passagens aéreas em oito meses

Por Bianca Fujimore/Mídia News

TVCA

O reitor da Unemat Rodrigo Bruno Zanin (Crédito: TVCA)

O reitor da Unemat Rodrigo Bruno Zanin

A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) gastou R$ 356 mil com passagens aéreas entre fevereiro e setembro deste ano. Os dados constam no Portal Transparência da instituição.
 
Em janeiro não há registro de compra de passagens pela universidade.
 
O mês em que os servidores mais realizaram viagens pela Unemat foi julho, com 19 faturas pagas no valor total de R$ 84,9 mil. Este também foi o mês que mais custou aos cofres da universidade, correspondendo a 24% de tudo que foi gasto com passagens em oito meses.
 
 
Em segundo lugar está o mês de fevereiro, quando foram gastos R$ 72,9 mil, 20% do total usado no ano, com 12 faturas.
 
Em março, houve o pagamento de apenas uma fatura de passagem, no valor de R$ 5,7 mil.
 
Em maio, R$ 45,4 mil foram gastos com apenas quatro passagens aéreas para os membros da reitoria da Unemat. Isso é 12% de todo o orçamento dos oito meses. Dentre as viagens pagas, aparecem faturas como de R$ 23,3 mil com passagens do dia 23 de maio.
 
A segunda fatura de passagem mais cara foi paga em 18 de setembro no valor de R$ 16,3 mil.
 
Contudo, o relatório não especifica quantas passagens aéreas foram compradas por fatura pela universidade, nem a origem e destino e muito menos para quem foi a viagem.
 
Gastos na UFMT
 
De janeiro a outubro deste ano, a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) gastou mais de R$ 1,2 milhão com viagens "a serviço", conforme dados disponibilizados no Portal Transparência do Governo Federal.
 
Mais de R$ 1,1 milhão – o correspondente a 92,42% do total – teve como destinos diferentes estados e cidades brasileiras. Já as viagens internacionais consumiram R$ 97 mil – equivalente a 7,58% do total.
 
Conforme o levantamento realizado pelo MidiaNews, as viagens realizadas pela reitora  Myrian Serra totalizam pouco mais de R$ 79,5 mil. O roteiro inclui três deslocamentos internacionais.
 
Veja demonstrativos de pagamentos:
 

 

 
 

Comentários

inserir comentário
9 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Oeste. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por Luiz Marcelo, em 31.10.2019 às 20:00

    A linguagem dos nossos pesquisadores está num nível elevadíssimo. Espero que não escrevam trabalhos acadêmicos com mesma capacidade argumentativa dos comentários aqui.

  • por Acir, em 31.10.2019 às 16:51

    Os comentários negativos são tão desprovidos de conhecimento. Desconhecimento da dimensão dessa IES, da dimensão da sua produção acadêmica, do alcance das suas atividades de ensino pesquisa e extensão e mormente, da sua interatividade com instituições científicas em diferentes continentes. Mas enfim, o resultado social do que ciência produz ainda foge da capacidade de compreensão de boa parte dos contribuintes, ao menos aqui no Brasil.

  • por Daniela, em 31.10.2019 às 01:45

    Cara, pessoal faz matéria com o c*, só pode.. Muitas passagens são compradas com verba da capes, de projetos aprovados.. Tá fácil ser jornalista. Pesquisar deixou de ser pré requisito pra escrever sobre algo.

  • por Guimarães, em 29.10.2019 às 18:31

    E daí? Onde está a informação relevante que esse belíssimo jornal presta a sociedade? Qual interesse em mostrar gastos necessários com a UNEMAT e UFMT? Sejamos mais coerentes ao levar as informações de maneira tendenciosa! Se a ideia era mostrar alguma irregularidade, por favor nos mostre ou pare de fazer essa política pequena, umbiguista, chata e irrelevante como tem feito nos últimos anos!

  • por Bn, em 29.10.2019 às 15:15

    quem paga isso? Nós contribuintes.

  • por Mário Figueiredo, em 29.10.2019 às 13:39

    Já passou da hora e, há muito tempo de uma CPI nessa Unemat, determinadas castas do funcionalismo publico há muito tempo afrontam e esbofeteiam a cara do cidadão e cidadã deste pais, enquanto a massa trabalhadora e micros empresários se esfolam de tanto trabalhar para sustentar mordomias e cinismos praticados por essas castas! Com todo respeito PQP!!

  • por MARIA, em 29.10.2019 às 13:13

    ISSO PORQUE OS DIRIGENTES DA UNEMAT VIVEM ALEGANDO QUE A FACULDADE NAO TEM DINHEIRO PARA NADA .GASTAO AS VERBAS COM VIAGEM E OS ALUNOS NAO TEM NEN COPO PLASTICO ,NAO TEM AR CONDICIONADOS FUNCIONANDO CADE O DINHEIRO PARA ISSO......

  • por O povo, em 29.10.2019 às 11:58

    Puxa vida com esse gasto daria pra comprar uma aeronave

  • por Ozório, em 29.10.2019 às 11:18

    Vergonha !!!!!

 
Sitevip Internet