Notícias / Polícia

04/06/2019 - 07:41

Em Cáceres, suspeito de tentativa de homicídio é preso pela Civil

Por Pedro Miguel

No domingo, 2, por volta do meio dia , investigadores da 1DP de Cáceres, recebeu uma informação que o foragido da justiça, de nome Jonathan Francisco Barbosa de Almeida, de 21 anos, vulgo 'OLX', estaria no Bairro Santo Antonio.

Diante da informação os policiais imediatamente foram pro local e realizando diligências pelo referido bairro, passando por uma rua atrás da escola, avistaram um indivíduo, usando uma camiseta de cor vermelha, que ao avistar a viatura policial fugiu em disparada, em seguida entrou em uma residência e pulou vários muros, onde rapidamente a equipe realizou o cerco policial e realizou a sua detenção.

Na residência, a esposa do suspeito tentou obstruir o trabalho policial, sendo necessário o uso da força moderada e algema para controlar a desobediência do mesmo, em seguida o casal foi encaminhado até a delegacia de policia para as devidas providências.

Segundo os policiais, o suspeito Jonathan, teve o mandado de prisão decretada por um crime de tentativa de homicído contra a vítima de nome Fabrício Julieber de Almeida, de 22 anos, no dia 17 de Abril, deste ano, quando na ocasião tentou matar a vítima no quintal de uma residência, localizada na Rua Salamanca, no Bairro Jardim Imperial.

RELEMBRE O CASO

No comecinho da tarde de hoje, 17/04 (quarta feira), por volta das 13:00Hs, a Policia Militar foi acionada via CIOSP para atender uma ocorrência de tentativa de homicídio, fato este, acontecido em uma residência, localizada na Rua Salamanca, no Bairro Jardim Imperial.

VAI VENNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNDO

Diante da solicitação a rádio patrulha imediatamente foi pro local, chegando lá, encontraram a vítima, de nome Fabrício Julieber de Almeida, de 22 anos, onde o mesmo relatou que minutos atrás estava na residência do seu irmão, quando de repente 03 indivíduos adentraram ao local chutando o portão, sendo de 02 deles estavam armados com revólver e pistola, que um deles estava usando camisa verde, bermuda jeans, com barba (cavanhaque), moreno e troncudo, o outro estava usando camiseta de cor cinza, boné preto e short claro, já o último indivíduo não foi possível ver as roupas que usava, mas era branco e magro.

A vítima (Fabrício), disse que os indivíduos que estavam armados começaram a efetuar disparos em sua direção, que nesse momento, estava segurando uma criança de 02 anos, diante disso, ele rapidamente deixou a criança de lado e saiu correndo, fugindo pelos fundos da residência, pulando em cerca e em seguida ligou para o telefone dos desesperados '190', comunicando o fato.

Fabrício contou ainda para policia que um dos suspeitos, de iniciais E.G.S. de 16 anos, antes de irem em sua residência, estava conversando com os demais indivíduos em frente a sua residência, que conversaram com um vizinho, sendo que há dois dias atrás também viu os suspeitos conversando com este mesmo vizinho (informando o nome pra policia).

VAI VENNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNDO

Após ouvir o relato da vítima, os policiais realizaram uma varredura no quintal da residência e encontraram 02 projéteis deflagrados, aparentando serem de Cal 9mm.

Os policiais, com apoio de outras viaturas saíram em diligências na tentativa de localizar os suspeitos, porém, alguns minutos depois, novamente foram informados via CIOSP dando conta que na Rua 1 de Maio, no Bairro EMPA, havia outra vítima de tentativa de homicídio.

Diante da informação foram pro local, chegando lá, a suposta vítima já havia sido encaminhada por terceiros até o hospital regional, com isso, os policiais foram até o referido hospital onde a vítima, identificado como sendo de iniciais L.T.A. de 16 anos, conhecido como 'Bolívia', estava sendo atendido, pois o mesmo havia sido baleado na perna esquerda, sendo que, curiosamente a vítima (Bolívia), tinha as mesmas características de um dos suspeitos que tentaram matar a tiros a vítima (Fabrício), há pouco tempo atrás.

VAI VENNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNDO

Em conversa com a vítima, (Bolívia), ele contou que havia participado da tentativa de homicídio contra Fabrício, levando os outros 02 indivíduos na casa dele, pois o Fabrício havia lhe ameaçado de morte, sendo que no momento do acontecido, ele (Bolívia) armado com uma pexeira (faca) partiu pra cima do Fabrício tentando lhe matar, com isso, os outros 02 comparsas que estavam armados de pistola e revólver, começaram a disparar contra o Fabrício, porém, acabaram acertando ele (Bolívia) e o Fabrício fugiu sem levar nenhum tiro.

Após o atendimento hospitalar o 'Bolívia' foi encaminhado até o CISC para prestar maiores esclarecimentos, o outro suspeito, E.G.S. de 16 anos, acompanhado de sua avó, também foi encaminhado pra delegacia.

A divisão de homicídios da 1DP investiga o caso.

Comentários

inserir comentário
0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Oeste. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet