Notícias / Cidade

24/05/2019 - 10:54 | Atualizado em 24/05/2019 - 10:58

2º B FRON comemora hoje 80 anos

Por Luiz Garcia

Ilustração

 (Crédito: Ilustração)
Mesmo com a queda da temperatura, um grande público, prestigiou a formatura, realizada na noite desta quinta-feira (24), no pátio interno do 2º B FRON, em comemoração aos 80 anos do 'Batalhão' General José Miguel Lanza'.

Na oportunidade, várias pessoas foram homenageadas com o diploma 'Amigos do 2º Batalhão de Fronteira'.

Anteriormente, para celebrar a data festiva, o comando do Batalhão, realizou no dia 19 deste mês, uma corrida de rua, que contou com a participação de 630 atletlas.

Os agraciados, ontem,foram: André Molina - Presidente da Mineradora Geominas; Antonio Carlos Viana - Artista Plástico; Sandro Miguel - Historiador; Ilson Ribeiro Corrêa - Diretor da da Fazenda Grendene; Mirko Frank Ribeiro - Diretor Comercial do Grupo Juba; Luizmar fachini - Jornalista da Rádio Difusora; Médico, Felipe Azevedo e Silva - Clinica Gastrocentro; Professora/Doutora, Maria do Socorro Souza Araújo, da Unemat; Vereador, Alvasir Ferreira de Alencar; Taiana Castrillon Dionello - Promotora de Justiça; Wilson Souza Santos - Delegado da Policia Civil; Alex de Souza Cuiabano, Delegado da Policia Civil; Capitão-Tenente, Estanislau Geraldo de Carvalho - Comandante da Agência Fluvial em Cáceres; Professora/Doutora, Zulema Netto Figueiredo, Coordenadora do Campus da Unemat, Jane Vanini; Antônia Eliene Liberato - Vice-Prefeita de Cáceres e o Tenente-Coronel PM, Lara Filho, Comandante do 6º Comando Regional Oeste.

História do 2º B FRO

O 2º Batalhão de Fronteira (2º B Fron), conhecido como Batalhão General José Miguel Lanza, é uma unidade do Exército Brasileiro, localizada no município de Cáceres, no estado de Mato Grosso. É subordinada à 13ª Brigada de Infantaria Motorizada, sediada em Cuiabá. Sua denominação histórica é uma homenagem ao General José Miguel Lanza, responsável pela formação do Exército Boliviano.

O 2º B Fron foi criado em 24 de maio de 1939, a partir da aglutinação da 2ª Companhia de Fronteira (2ª Cia Fron), sediada em Cáceres desde 1932, com a 4ª Companhia de Fronteira (4ª Cia Fron, em Cáceres desde 1937).

Em 27 de julho de 1978, foi transformado em 66º Batalhão de Infantaria Motorizado, sendo subordinado à 13ª Brigada de Infantaria Motorizada, até 1994, quando volta a ter a atual denominação e subordinação.

Em 1999, numa cerimônia que ocorre tanto no Brasil como na Bolívia, recebeu a denominação histórica de Batalhão General José Miguel Lanza. Do lado boliviano, o Batalhão de Infantaria XVII, sediado na cidade fronteiriça de Guayaramerín, recebeu a denominação histórica Batalhão Marechal Luís Alves de Lima e Silva.
Emprego

Força de pronto-emprego em fronteira, tem a missão de assegurar a soberania brasileira numa extensão aproximada de 912 km de fronteiras, a maior parte em linha geodésica, formação de efetivos, além de operações de Garantia de Lei e Ordem e atividades subsidiárias.

Pioneiro da Fronteira Oeste brasileira, o 2º BFron possui 04 (quatro) Pelotões Especiais de Fronteira: 1º PEF/CORIXA, 2º PEF/FORTUNA, 3º PEF/PALMARITO e 4º PEF/GUAPORÉ.

O efetivo atual do batalhão, é de aproximadamente mil militares, e tem em seu comando o Coronel, Antonio Hervé Braga Júnior.

Comentários

inserir comentário
5 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Oeste. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por carlos pereira, em 27.05.2019 às 18:03

    servi no ano de 1994 a 2000, fiquei 5 anos no pelopes, o saudade desse tempo.

  • por James Pinto da Silva 3 Sgt QE R/1., em 26.05.2019 às 16:17

    Servi de 1986 a 1998, onde cumpri diverssas missões, fui destacado nos DST Sta Rita e Fortuna, inauteci o valoroso nome do BTL bem com o de Cáceres participando de inúmeras competições de atletismo nível nacional, e campeonato de atletismo das FFAA onde sagrou campeã a equipe do exercito O saudade da fronteira...

  • por ildevande bonfim silva, em 25.05.2019 às 19:52

    foi onde eu me servi em 82, era o comandante tenente coronel zamite, primeira companhia . comantante da cia tenente Ibarra, fera.

  • por Francisco Siqueira Filho, em 25.05.2019 às 08:36

    Excelente!!!!... e, com os Quatro Pelotões de Fronteira, cada vez mais Operacional.

  • por João Gomes Kneipp- Cel Ref ( 1975/ 78 ), em 24.05.2019 às 15:19

    Saudoso BFron , velho de guerra, que satisfação revé-lo nessas páginas.

 
Sitevip Internet