Notícias / Educação

20/05/2019 - 07:11

Lúdio diz que Mendes contigencia recurso na Unemat antes de Bolsonaro

Por Midia News

O deputado estadual de oposição Lúdio Cabral (PT) afirmou que o governador Mauro Mendes (DEM) contingencia o orçamento da Universidade de Mato Grosso (Unemat) desde o início do ano.

Segundo o petista, conforme aprovado na Lei Orçamentária Anual (LOA) deste ano, a universidade deveria receber R$ 4,5 milhões para o custeio de suas unidades. Entretanto, em março Mendes decidiu diminuir o valor para R$ 2,7 milhões.

“A Unemat está com o orçamento contingenciado desde janeiro. Os recursos de custeio estão contingenciados em 49%. Existia uma previsão de R$ 4,5 milhões por mês para custeio, mas estão recebendo R$ 2,7 milhões, tendo ainda que pagar restos do exercício de 2018”, disse ao MidiaNews.
O decreto 77, que dispõe sobre a execução orçamentária e financeira do exercício de 2019 e que tratou sobre os recursos da instituição, foi publicado em 03 de abril deste ano no Diário Oficial do Estado.

“Ontem, o governador Mauro Mendes deu uma entrevista dizendo que talvez tenha que contingenciar recursos da Unemat. Talvez, não. Ele já está fazendo isso desde janeiro”, afirmou Lúdio.

Lúdio se referia a uma declaração do governador, na manhã de terça-feira (14), ao ser questionado se poderia seguir o exemplo do presidente Jair Bolsonaro (PSL), que fez cortes na Educação, e reduzir os valores da Unemat. “Nós estamos tomando várias medidas de maneira silenciosa. Eu não sou uma pessoa que gosta de ficar tomando medidas espetaculosas. Eu faço, no dia a dia, medidas importantes de corte de gastos, redução de despesa”, disse.

Para o petista, a queda nos repasses da instituição irão afetar as despesas básicas, como bolsas, luz, água, telefone, limpeza, segurança e combustível.

 Ele deve pedir que a Assembleia Legislativa intervenha no contingenciamento do Executivo.
 
“A Comissão de Educação da Assembleia vai entrar na Justiça contra os cortes do Governo Federal. Que entre também na Justiça contra os cortes do Governo do Estado. Fiz esta sugestão e irei formalizá-la”, completou.

Comentários

inserir comentário
6 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Oeste. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por Tibúrcio junco pantaneiro, em 20.05.2019 às 22:38

    UM GOVERNANTE QUE NÃO GOSTA DA EDUCAÇÃO, É UM GOVERNANTE BURRO E QUEM APOIA ESTE É MAIS BURRO AINDA, VAI ESTUDAR, UM PAÍS QUE NÃO INVESTA NÃO EDUCAÇÃO É UM PAÍS SEM DESENVOLVIMENTO COM SEU POVO BURRO ACOMODADO.

  • por Freitas, em 20.05.2019 às 21:24

    O pt acabou com insino nas universidades públicas

  • por jbernardescurvo, em 20.05.2019 às 16:15

    Bolsonaro resgatou a vontade de estudar em alunos que não gostam de estudar, vontade de lecionar em professores que não sabem ensinar e vontade de ser honesto nos Petistas... onde que é que eu aperto 17 de novo???????

  • por O PANTANEIRO, em 20.05.2019 às 13:28

    A massa sub-letrada do Brasil demoniza o Partido dos Trabalhadores e seus membros. A alienação é tão grande q estes não conseguem nem enxergar quem é q está neste momento nefasto DEFENDENDO justamente o DIREITO a APOSENTADORIA, SAÚDE, EDUCAÇÃO... #Parabéns Lúdio, Parabéns PT, Parabéns a quem luta pelos direitos do povo!!!

  • por marsofo, em 20.05.2019 às 12:05

    A verdade não escolhe porta voz. Nesse momento o PT, através do Dep. Ludio é o porta voz da verdade..

  • por Renatinho Bocaiúva, em 20.05.2019 às 09:40

    PT o CÂNCER do Brasil.

 
Sitevip Internet