Notícias / Esportes

20/04/2017 - 07:38

Cáceres faz últimos ajustes para receber os Jogos Escolares

Por Marcio Camilo

Enviar para um amigo Imprimir

GcomMT/Maria Anffe

 (Crédito: GcomMT/Maria Anffe)
Falta menos de uma semana para o início dos Jogos Escolares de Mato Grosso. A primeira cidade a receber o evento será Cáceres, no próximo dia 25. Por lá está praticamente tudo pronto para a etapa regional (Oeste) que promete movimentar o município com muito esporte aliado a educação.

São esperados em Cáceres cerca de mil alunos-atletas, com idades de 12 a 17 anos. Eles vão competir nas modalidades de handebol, basquete, futsal e vôlei. O secretário de Esporte, Cultura e Lazer da cidade, Marcos Nascimento, afirma que Cáceres está preparada para receber as equipes escolares dos municípios que compõe a região Oeste do estado.

Ele detalhou que no momento faltam apenas pequenos reparos a serem feitos em algumas quadras poliesportivas, como pintura e a instalação de chuveiros nos vestiários, bem como a troca de lâmpadas e outros acessórios.  "Nossa expectativa é de fazer uma grande competição e de acolher da melhor maneira possível os alunos dos outros municípios", destacou o gestor.

Quem promete fazer bonito na competição são as equipes femininas de handebol da Escola Estadual União e Força de Cáceres.

As equipes, categorias A (de 15 a 17 anos) e B (12 a 14 anos), são comandadas pelo professor Rafael Costa Takaki que, neste ano, tentará o tri-campeonato regional.

Ele destaca que o handebol é a principal força de Cáceres, pois a modalidade conquistou nos últimos anos uma série de títulos regionais. Isso, conforme Takaki, é resultado de muito treino e investimento em categorias de base. Há nove anos o professor mantém, por conta própria, um projeto de escolinha de handebol que tem revelando grandes talentos na modalidade.

Sobre a importância dos jogos escolares Takaki ressaltou que a competição ensina importantes valores para os alunos, como o respeito ao adversário e saber lidar com derrotas.

Ele também destacou que os jogos possuem caráter social, pois oportuniza que jovens carentes conheçam outras cidades dentro e fora de Mato Grosso. "Muitos estudantes talvez não tivessem a oportunidade de viajar, conhecer novas culturas, se não fossem os jogos escolares. Então, mais do que uma competição, o evento é uma grande ferramenta de aproximação entre as cidades de Mato Grosso e isso possibilita que os alunos façam novas amizades", enfatizou o professor Takaki.

O secretário Adjunto de Esporte e Lazer (Sael-MT), Leonardo de Oliveira, acrescentou que a edição deste ano dos jogos escolares traz novidades. Trata-se da proposta pedagógica que vai unir a prática do esporte com o conteúdo passado em sala de aula.

Essa junção, conforme o gestor, será possível por conta das atividades que foram pensadas para envolver todos os alunos nos jogos, e não apenas aqueles que competem nas quadras. Entre as ações pedagógicas, que podem acontecer durante os jogos, estão às feiras científicas e as apresentações culturais de música e dança.

Jogos Escolares

Os Jogos Escolares da Juventude de Mato Grosso serão realizados em 10 etapas regionais e três etapas estaduais. A primeira regional ocorre em Cáceres de 25 a 30 de abril.

O evento reúne cerca de 10 mil estudantes (de 12 a 17 anos) que competem em modalidades como o atletismo, xadrez, ginástica rítmica, basquete, handebol, futsal e vôlei. Os jogos escolares são uma realização da Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc-MT), em parceria com as cidades sedes do evento.

Confira o calendário completo dos jogos  

Comentários

inserir comentário
0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Oeste. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet