Notícias / Direto da Fonte

09/01/2017 - 15:34 | Atualizado em 09/01/2017 - 15:49

Obras

Por Da Redação

Enviar para um amigo Imprimir
Partidários e eleitores do prefeito de Cáceres Francis Maris (PSDB), usaram as redes sociais na semana passada para rasgar elogios ao prefeito pela inauguração de algumas obras. Assim como o prefeito, a maioria ignorou o fato das obras terem sido pensadas, projetadas e viabilizadas nas gestões dos ex-prefeitos Ricardo Henry e Tulio Fontes (PSB). Eles parecem ignorar o fato de que até o momento Francis não inaugurou uma grande obra idealizada e feita em sua gestão. A expectativa é que isso ocorra nos próximos anos, mas o mais provável é que aconteça o mesmo que ocorreu com Ricardo e Túlio e o próximo prefeito conclua as obras de Francis. Dessa forma, o mínimo que se deve fazer, é ter a hombridade de reconhecer os esforços dos seus antecessores e suas equipes, pois o prefeito não trabalha sozinho. Só para dar um exemplo, o Centro de Eventos Maria Sophia Leite, recentemente inaugurado, é uma obra pensada na gestão Ricardo Henry, pelos turismólogos Patrícia Siqueira e André do Couto e abraçada pelo ex-deputado federal, Pedro Henry, que idealizou o conjunto chamado Parque Sangradouro que ainda não foi concluído.
 
Patrolando
 
Poucos estão prestando a atenção, mas o prefeito de Cáceres, Francis Maris (PSDB), tem escolhido e dado nomes aos prédios públicos da cidade. Esta seria uma das poucas prerrogativas da Câmara, que o prefeito está usurpando. Pode não ser nada de mais, mas se partilhasse o desejo o prefeito poderia privilegiar outras pessoas ao invés de repetir homenagens como a que o correu com a UBS do Jardim Padre Paulo que levou o nome da ex-prefeita Nana Faria, cujo nome já foi dado ao PAM.
 
Henry
 
Por falar em Francis, a derrota na disputa pela presidência da Câmara de Vereadores, serviu para uma coisa. O prefeito abandonou o estilo ‘não to nem ai’ e adotou o estilo ‘Pedro Henry’. A partir de agora, segundo ele, não tem meio termo. Aliado é aliado, adversário é adversário. A Coluna ele contou que não esperava perder a eleição porque teria recebido a garantia dos vereadores Elias Pereira (PT do B), Denis Maciel (PT do B) e Alvacir Alencar (PP), de que os mesmos votariam em Claudio Henrique (PSDB). O prefeito disse que inclusive recebeu a garantia dos votos de Enézio Mariano ligado ao PT do B e do deputado federal Ezequiel Fonseca (PP), que manda em Alencar. Francis ainda acrescentou que não ganhou a eleição da mesa porque também não cedeu às pressões de vereadores por cargos na prefeitura. Apesar de eu insistir, ele não quis revelar quem pediu e o que pediu.
 
Ganhador
 
Por falar em eleição da mesa em Cáceres, o deputado estadual Adriano Silva (PSB), andou comemorando nas redes sociais, a vitória como sendo uma articulação sua, porém a conquista na verdade foi do deputado Ezequiel Fonseca (PP), que emplacou os aliados Domingos dos Santos (PSB), Elias Pereira (PT do B) e Alvacir Alencar (PP), nos três principais cargos.
 
Antipático
 
Servidores, observadores, vereadores e membros da imprensa já começaram a avaliar e formar opinião sobre os novos vereadores da Câmara de Cáceres. Para um vereador, o vereador Wagner Barone (PTN), já ganhou o título de antipático do bloco. Eu confesso que não tinha feito essa avaliação ainda, mas vou prestar a atenção.
 
Tucanos
 
Com a maior bancada da Câmara de Vereadores de Cáceres, os tucanos do partido do prefeito Francis Maris (PSDB), parece que já se acertaram para atuarem no Legislativo. O campeão de votos Cézare Pastorello deve presidir a CCJ. Claudio Henrique deve ser o líder do prefeito e Valdeniria Dutra, líder da bancada.
 
Cargos
 
O deputado estadual doutor Leonardo (PSD), ainda não conseguiu emplacar nenhum dos seus soldados eleitorais no primeiro e segundo escalão da gestão de Francis Maris (PSDB), em Cáceres. Diante da resistência do prefeito aos seus aliados, o deputado estaria disposto a indicar pessoas de outros partidos. Uma delas seria o presidente do PR, Júlio César Borges (Júlio da Semelc) que estaria sendo apadrinhado pelo deputado para assumir a Secretaria de Saúde. No COC, ninguém confirma a articulação.
 
Bastidores
 
Nos bastidores da prefeitura de Cáceres, a justificativa para o recuo da professora Neuliane Cestaria da Secretaria de Educação teria sido porque a ex-secretária Nelci Longhi teria exigido a manutenção das atuais coordenadoras da pasta. O prefeito, que não se impôs na situação, acabou com um enorme problema. Não quer mais Nelci na pasta, mas também não encontra outro nome com perfil técnico e político.
 
Thebestinho
 
Apesar das mudanças no primeiro escalão, o prefeito de Cáceres, Francis Maris (PSDB), ainda tem um problema para resolver. Encontrar um substituto para o secretário de Saúde, Roger Pereira, que assim como Nelci tem um problema sério de relacionamento com subordinados e terceiros. Os dois são incompatíveis para cargos políticos. A cabeça do Thebestinho está a prêmio há meses e só não caiu porque o prefeito ainda não encontrou uma pessoa com o perfil para o cargo.
 
Trator
 
Finalmente descobri porque a vice-prefeita de Cáceres, Eliene Liberato Dias (PSDB), nunca quis ser Secretaria na gestão de Francis Maris (PSDB). Ela jamais aceitaria o tratamento que o prefeito dá aos seus subordinados. Quem conhece e já trabalhou com o Francis, sabe muito bem do que Eliene está falando.
 
Risos
 
Durante a solenidade de posse, o prefeito de Cáceres, Francis Maris (PSDB) elogiou o juiz Sergio Moro, o ministro Joaquim Barbosa e a juíza Selma Arruda de Cuiabá no combate a corrupção política e estranhamente acabou citando também a juíza de Cáceres Josiane Carla Ribeiro Viana Quinto. A inclusão do nome da magistrada arrancou risos de um grupo de advogados que assistia solenidade. A reação é porque no meio existe um entendimento de que a juíza tem tomado muitas decisões favoráveis ao prefeito nos últimos anos.
 
Ezequiel
 
O deputado federal Ezequiel Fonseca (PP), que já começa a ver o prefeito de Cáceres, Francis Maris (PSDB), como adversário em 2018, aproveitou uma entrevista à Rádio Difusora FM esta semana para dar uma alfinetada no prefeito que o anda criticando em público. Segundo Ezequiel, Francis precisa se informar mais sobre a sua atuação e os recursos que ele tem mandado para região. Em um grupo do aplicativo WhatsApp que reúne prefeitos, vereadores e a imprensa da região, o prefeito de Cáceres tem sido criticado por não querer fazer parte do bloco regional, deixando inclusive a cidade fora de programas coletivos, como o que prevê investimentos para a piscicultura.
 
2018
 
Como reflexo da corrida eleitoral de 2018 que está em pleno andamento em Cáceres, o considerado Marcelo Cardoso, um dos soldados eleitorais do deputado estadual doutor Leonardo (PSD), já está largando a madeira de manhã, de tarde e de noite, de segunda a segunda, no lombo do oncologista Eduardo Lima (sem partido). A reação é porque os Leonardistas já perceberam que o carismático médico pode melar as pretensões de reeleição do deputado. Por falar em Leonardo, semana passada durante a inauguração da reforma da sede SAEC, o prefeito Francis Maris (PSDB), votou a lançá-lo como candidato a deputado federal em 2018. Para mim, isso não passa de um jogo de cena, pois o candidato a federal será o próprio Francis.
 
Herança
 
A gestão do ex-vereador Marcinho Lacerda (PMDB) na presidência da Câmara de Cáceres, deixou uma dívida de mais de R$ 60 mil em conta de celular com a Vivo. Infelizmente, o débito vai sobrar para o contribuinte que é quem de fato sustenta políticos e mal gestores como o filho de Marcio Lacerda. Para ter o serviço restabelecido a nova mesa diretora terá que quitar a conta sob pena de ter o nome negativado nos órgãos de proteção ao crédito.

Comentários

inserir comentário
16 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Oeste. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por Joed Luiz, em 11.01.2017 às 17:01

    Bem, começou o ano legislativo, então, abre-se as cortinas do Bataclan Tupiniquim Cacerense. O Bataclan original o de Paris, é uma casa de shows, o daqui também, mas com uma diferença são shows promiscuo institucional, onde seus personagens joga todas as cartas em beneficio próprio e que, a platéia assiste sem achar nenhuma graça, mas também não reagem. Assistem passivamente.

  • por SERVIDORA, em 11.01.2017 às 14:32

    A NEULIANE TÁ CERTA...SER SECRETÁRIA FIGURANTE NÃO DÁ...MAS QUE FALTA DE ÉTICA DA ANTIGA SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO.

  • por Cheiroso, em 11.01.2017 às 12:09

    Se um dia este prefeito virasse pelo menos 1 dos henrys estava bom, porque o único político que fez alguma coisa por Buracáceres foram os henrys, a praça barão mesmo já está beirando 4anos cercada, agora porque o prefeito não aproveita que está cercada e solta uns 500 porcos la dentro e coloca 01 vereador por dia para dar comida e cuidar que final do ano da para abater e fazer dinheiro para terminar a praça. ..

  • por Joed Luiz, em 10.01.2017 às 16:06

    Que bom! Pelo Menos uma boa notícia, essa de Francis virar Pedro Henry, isso quer dizer que logo o Francis será preso.

  • por Gonçalo, em 10.01.2017 às 07:20

    Essa Câmara fará um deputado. Escutem o que eu tô falando. Estão trabalhando em bloco, reunindo todo dia. O prefeito que se cuide, que a vaga dele como deputado já tá perigando.

  • por BUGRE SÓ OBSERVANDO, em 09.01.2017 às 22:02

    SERÁ QUE SÓ ELE É O CARA? O prefeito abandonou o estilo ‘não to nem ai’ e adotou o estilo ‘Pedro Henry’. A partir de agora, segundo ele, não tem meio termo. Aliado é aliado, adversário é adversário. ACORDA, BORA TRABALHAR POR CÁCERES, PARA DE MIMIMI, BRIGUINHAS, PECUINHAS!

  • por Jr, em 09.01.2017 às 18:51

    1- ñ votei no Francis, ele está fazendo um bom serviço sim, acho que o colunista vem pegando no pé do prefeito, será que é por causa da politicagem ? 2- notícia irrelevante. 3- pegou pesado comparar Francis c/ Pedro hein ? Politicagem! 4- nessa política porca quem fez o bolo nunca aparece mesmo! Normal ! 5- E começam cair as máscaras dentro da câmara dos super vereadores ! 6- Vamos observar o que vai dar esse quarteto super fantástico ( só falta um ). 6- enquanto isso the bestinha vai ficando, o que virou sobre a justificativa das diárias, alguém sabe ? 7- Acho que a senhora Nelci poderia contribuir muito, isso se não se achasse demais, faz bem deixar de lado essa opção ! 8- É tão difícil assim encontrar um substituto à altura do the bestinha gente ? Remaneje as secretarias e encontrará. Quero ver após demissão o tal observatório voltar a abrir os olhos, kkkkk ( vergonha alheia ).

  • por Junior, em 09.01.2017 às 18:50

    9- sinceramente não caiu bem o nome da magistrada, a coluna disse sobre " decisões favoráveis "? 10- este é o problema de cáceres e região, acharem que são adversários, birrinhas de políticos manipulador por siglas que não trás nada de bom ao município, hora de tomarem vergonha na cara ! 10- oi? Considerado ? Oi?....Até hj não sei o que esse Marcelão quer com a política, já que levou até encostar em todas eleições e vive sendo rastro de outros ! 11- difícil, município passando pelo funil e câmara com dívida de 60 mil em telefone,deixaram a carroça solta ? Não conhecem Zap né, mas entendo quem vai pagar não são eles, claro !

  • por CÃO CHUPANDO MANGA 6, em 09.01.2017 às 18:01

    A Primeira reunião do GRUPO DE VOLUNTARIOS 2018 POR AMOR A CÁCERES será realizado uma vez por mês, logo, esse ano haverá 12 reuniões. A base do Grupo, é conscientizar em 2018, a população de Cáceres a apoiar e votar em candidatos de Cáceres, de preferencia, em apenas 2 nomes com viabilidade para a candidatura de Deputado Estadual. NÃO PODEMOS CORRER RISCO DE FICAR SEM REPRESENTAÇÃO. Também há consenso no grupo, que iremos focar em um nome para Deputado Federal. Toda a estrutura de Marketing já esta sendo preparada para desenvolver a conscientização popular. #CÁCERESRUMOAODESENVOLVIMENTO

  • por CÃO CHUPANDO MANGA 5, em 09.01.2017 às 17:50

    Para 2018, vejo a polarização de apoios e votos para Deputado Estadual entre os Deputados Leonardo e Adriano. O Pleito de 2018 não contará com o novo e sim com resultados de ações, trabalhos e resultados, também a formação de grupo politico será fundamental e partidário contará muito. NÃO VEJO VINGAR OUTROS NOMES, POIS SERÃO ESCANTEADOS, ONDE A POPULAÇÃO NÃO VAI ARRISCAR NO DUVIDOSO. Os Deputados Leonardo e Adriano tem dimensão eleitoral depois da ponte. COM A MÉDIA DE VOTOS VÁLIDOS EM CÁCERES, EM TORNO DE 45 MIL VOTOS, EM 2018, A DISPUTA ENTRE LEONARDO E ADRIANO SERÁ VOTO A VOTO. Fico imaginando se Tulio Fontes sair como candidato a Deputado Federal pelo PSB, fazer dobradinha de votos com o Deputado Adriano, isso resultaria num sucesso histórico. O Deputado Adriano já provou nas eleições de 2014 que tem votos em outros municípios, afinal, articulou mais de 14 mil votos. VAMOS CONSTRUIR!

Mais comentários
 
Sitevip Internet