Artigos / Juliana Giraldini

10/08/2017 - 09:10

Desconfiado

Enviar para um amigo Imprimir
Eu acredito que quase todo mundo, pelo menos uma vez na vida, teve que lidar com alguém desconfiado.

O desconfiado é um ser que não importa qual atitude você tenha, sempre vai achar que será lesado de alguma forma. Ou passado pra trás, ou traído, ou enganado.

Durante minha vida (profissional e pessoal) tive a oportunidade de lidar com vários tipos de desconfiados.

- Aquele cliente que jura que você cobra mais caro dele, porque tem certeza que você sabe das condições financeiras e quer se aproveitar.

- Aquele xuxuzinho que você chama de seu, que jura que se te perder de vista, você irá montar no primeiro transeunte que aparecer.

- Aquele que jura que você age de má fé no seu negócio, e pra se cercar e garantir a segurança, torna o trabalho tão burocrático, moroso e redundante, que encarece o processo. Afinal, time is money.
 
E entre tantas juras, não adianta você juntar os pés e garantir que tudo não passa de caraminholas na cabeça dele, afinal de contas, ele é desconfiado.
 
Nas minhas observações conclui que temos o desconfiado que já foi enganado e segue o ditado: "cachorro mordido por cobra tem medo de linguiça", e temos o desconfiado, que justamente duvida porque ele próprio age de forma desonesta.
 
O primeiro até que é fácil lidar. Ele precisa de provas de confiança, e após obtê-las, segue o rumo natural das atitudes.
 
Agora o segundo, sendo uma pessoa desonesta, traidora, infiel e de má índole, não há solução cabível a ser tomada.
 
Se você desconfia de tudo e de todos, sugiro repensar no real motivo que o leva a ser assim, afinal de contas a base para tudo na vida – de relacionamento aos negócios -  é a confiança. 
Juliana Giraldini

por Juliana Giraldini

é publicitária há 20 anos. Ou como ela mesma gosta de falar, é Publicitária Rural ou Fazendeira Criativa. Há 1 ano trocou São Paulo por Cáceres e se diverte criando Logotipos e vacas leiteiras, alimentando galinhas e Redes Sociais, e fazendo queijo, geleias e Anúncios.
+ artigos

Comentários

inserir comentário
0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Oeste. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet